O caso da vela


Conta-nos o senhor Custódio Pereira Cunha, morador do Porto de cima, em Morretes, que todas as noites aparecia na reta do Porto de cima uma vela acesa e que ao aproximar-se alguém, apagava-se e aparecia mais adiante. Seu Custódio diz que uma vez dois homens blasfemaram e tentaram apagála, com um guarda-chuva, que imediatamente se incendiou, tendo a vela perseguido-os até  tombarem no chão desfalecidos. Segundo a lenda, era uma alma procurando seu dinheiro enterrado. Após algum tempo, a vela desapareceu, porque o tesouro foi encontrado por uma moradora que ficou rica.

Essa e outras lendas do nosso litoral e do Paraná, você pode ver aqui no Lendas e Contos Populares do Paraná.
Compartilhar Google Plus

Nosso Litoral

Nosso litoral é um blog para divulgar as belezas do litoral paranaense, assim como os costumes, gastronomias, pontos turísticos, hotéis, pousadas, restaurantes, contos, lendas, histórias e muito mais!
    E ai, o que achou?
    Comente com o Facebook