Descubra Antonina

Procurando o que fazer em Antonina, selecionamos aqui algumas sugestões de pontos turísticos e atrativos da cidade.

Prainha – Praia com aproximadamente 200m de comprimento e 10 m de largura, na baía de Antonina. Possui águas claras e rasas, vegetação rasteira e elevações junto ao mar. O acesso pela é pela estrada que vai a Ponta da Pita. Possuindo área de lazer, lanchonete, ancoradouros para barcos pequenos, etc. Localiza-se no bairro do Itapema, a 4 km do centro.
Ponta da Pita – Formação rochosa que avança dentro da baía, é um agradável local de lazer, ideal para banhos, pescarias e piqueniques. Localiza-se no Bairro Itapema.
Praça Romildo Gonçalves Pereira – Feira-Mar – Recanto de onde se descortinam a bela baía antoninense, os baixios, embarcações primitivas e motorizadas e os navios que chegam e partem do ancoradouro, além das azuladas que contornam o mar.
Pico do Paraná – Situado na divisa entre Antonina e Campina Grande do Sul, possui 1962 m, sendo o mais alto do sul do Brasil. Foi descoberto por Reinhard Maack e conquistado em julho de 1941. Hoje quando já se comemorou o cinqüentenário de sua conquista, o pico faz parte do roteiro dos aficionados pelo montanhismo. Pertence o ponto culminante à Antonina, sendo o seu acesso feito por Campina Grande do Sul.
Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar – No ponto mais alto da Antonina, de onde se descortinam a baía, montanhas e parte de Paranaguá, a Igreja Matriz confunde-se com a história da cidade fundada em 1714. Situa-se no centro da cidade, na Praça Coronel Macedo.
Fonte da Carioca – Tombada pelo Patrimônio Histórico e artístico do Paraná em 1969, foi o único meio da cidade, desde 1867 até o final da década de 30. Consta que a fonte recebeu a visita do imperador D. Pedro II em 1880, o qual bebeu da fresca e cristalina.
Estação Ferroviária – A Estação Ferroviária de Antonina, terminal ferroviário da Linha Morretes – Antonina é exemplo vivo da fase áurea do mate, quando Antonina se destacava como 4º porto brasileiro. A construção deste prédio data do ano de 1916. De estilo eclético, o prédio possui bom desenho de arquitetura, com detalhes e requintes, como a abertura da plataforma de embarque confeccionada em ferro pré-fabricado.
Veja aqui outros atrativos e pontos turísticos da cidade de Antonina.
Fonte: Antonina contteúdo. 

Compartilhar Google Plus

Nosso Litoral

Nosso litoral é um blog para divulgar as belezas do litoral paranaense, assim como os costumes, gastronomias, pontos turísticos, hotéis, pousadas, restaurantes, contos, lendas, histórias e muito mais!
    E ai, o que achou?
    Comente com o Facebook